Todos ao ato em defesa das aposentadorias e contra a PEC 6/2019 nesta sexta, 22

Servidores durante a assembleia estadual ocorrida no dia 16 de março. Crédito: Cláudio Cammarota.

Conforme deliberação da assembleia do último sábado, os servidores do Judiciário Federal estão chamados a participar do ato unificado que acontece nesta sexta-feira (22 de março). O protesto reunirá diversas categorias dos setores público e privado na primeira manifestação nacional contra a ‘reforma’ previdenciária apresentada pelo governo Jair Bolsonaro.

A categoria vai se concentrar a partir das 16 horas, em frente ao Fórum Pedro Lessa da Justiça Federal, que já foi “decorado” (foto) na manhã de hoje como o ponto de encontro dos trabalhadores do Judiciário Federal na capital.

O ato está sendo convocado por todas as centrais sindicais existentes no país desde a Assembleia Nacional da Classe Trabalhadora, que reuniu 10 mil pessoas na Praça da Sé no dia 20 de fevereiro, quando o presidente apresentou a Proposta de Emenda Constitucional 6/2019 ao Congresso Nacional. As organizações sindicais nacionais e locais vêm defendendo a construção de uma greve geral para impedir a aprovação da ‘reforma’, que prejudica a todos os trabalhadores da ativa e também aos aposentados, atingindo ainda mais duramente às mulheres.

Confira aqui a apresentação resumida da PEC 6/2019 produzida pelo advogado César Lignelli, da equipe jurídica do Sintrajud.

image_print