Atualizado em 26/02/2020 às 17h50.

O Sintrajud vai monitorar a preparação das iniciativas marcadas para 18 de março, a fim de manter a categoria informada do potencial da Greve Nacional no Judiciário Federal e no Ministério Público da União.

Em 21 de fevereiro – faltando pouco menos de um mês do Dia Nacional de Greves, Paralisações e Mobilizações – já são 12 (doze) os estados nos quais os servidores do Judiciário Federal aprovaram participar do movimento. Além de São Paulo, em Alagoas (Sindjus); Ceará (Sindissétima e Sinje); Goiás (Sinjufego); Minas Gerais (Sitraemg); Paraná (Sinjutra); Rio de Janeiro (Sisejufe); Rio Grande do Sul (Sintrajufe); Santa Catarina (Sintrajusc) e Sergipe (Sindjuf) os trabalhadores aprovaram paralisar as atividades. No Mato Grosso do Sul e no Espírito Santo a categoria deliberou participar dos atos unificados.

O Distrito Federal decide sua participação em assembleia marcada para 27/2. Bahia, Maranhão e Paraíba têm assembleias no dia 28. O Rio Grande do Norte realiza sua assembleia no dia 29, Mato Grosso em 4/3, Tocantins no dia 11/3 e o Sindjuf Pará-Amapá, no dia 14/3. O Sindiquinze terá várias assembleias regionais, de 17 a 28 deste mês.

Conforme as deliberações forem aprovadas, atualizaremos o mapa aqui. Acompanhe.

O 18M é convocado unitariamente por todas as centrais sindicais do país, pelo Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Federais (Fonasefe), pela federação da categoria (Fenajufe) e pelo Fórum dos Trabalhadores do Setor Público no Estado de São Paulo.

*Atualizado em 26/02/2020 às 17h50.


Materiais

 

18M_adesivo

 

 

Boletim: impactos do Plano ‘Mais Brasil’ e novas alíquotas previdenciárias

 

 

 


Estudos

Análise jurídica dos ataques do ‘Plano Mais Brasil’ aos servidores

 

 


Votação

Participe da consulta realizada pelo Senado Federal sobre as PECs 186, 187 e 188
(clique nas imagens abaixo para votar)


image_pdfimage_print
Fechar Menu

Generic selectors
Apenas termos exatos
Buscar nos títulos
Buscar nos conteúdos
Buscar em Publicações
Buscar nas páginas