TRT-2: Último dia para responder à pesquisa sobre o teletrabalho na pandemia

Diante da constituição da Comissão de Estudos para Retorno Gradual às Atividades Presenciais, a manifestação dos servidores sobre os riscos do expediente presencial torna-se mais importante; assembleia online hoje (7/8), às 17h, vai debater a questão.
Clique na imagem e acesse o link da assembleia.

Hoje é o último dia para responder à Pesquisa sobre o Teletrabalho no Contexto da Pandemia realizada pelo Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região. O link com o questionário foi enviado pelo Tribunal aos e-mails institucionais, e a Corte orienta quem tiver problemas no acesso a enviar mensagem para <[email protected]>.

O levantamento é coordenado  pela Secretaria de Gestão Estratégica e Projetos e, como informado pela comunicação institucional, “aborda questões sobre saúde, aspectos psicossociais, teletrabalho, ergonomia, tecnologia da informação, dificuldades e vantagens deste momento particular, além de perguntas relacionadas à diversidade, inclusão e igualdade.”

O Tribunal assegurou que as respostas serão confidenciais e afirmou que os resultados serão utilizados na tomada de decisões sobre “manutenção do trabalho remoto ou retomada do trabalho presencial (parcial ou total), além de adoção de medidas relacionadas à saúde mental e física” de servidores e magistrados.

A diretoria do Sintrajud considera importante que os servidores se manifestem, diante dos riscos ainda altos de contágio pelo novo coronavírus e óbitos, e da constituição da Comissão de Estudos para Retorno Gradual às Atividades Presenciais do Tribunal.

A presidente do TRT-2, desembargadora Rilma Aparecida Hemetério, havia se comprometido pessoalmente, em nome da administração, a assegurar a participação do Sindicato nas discussões relativas à retomada de expediente presencial (leia o ofício da Presidência aqui), mas ontem editou o Ato GP Nº 15/2020 sem assento para o Sintrajud. Foi protocolado hoje* requerimento questionando a medida e cobrando a participação da entidade representativa dos servidores neste colegiado, inclusive porque o Sindicato questiona a abertura de discussões sobre qualquer forma de retomada presencial neste momento (leia aqui o requerimento).

Servidores também têm cobrado a participação do Sintrajud na Comissão, por meio de solicitação à Ouvidoria.

A diretoria do Sintrajud ressalta que a prestação jurisdicional vem sendo garantida e os tribunais têm registrado crescimento contínuo da produtividade, não havendo, portanto, prejuízo aos jurisdicionados. Aglomerar pessoas nos fóruns é colocar em risco milhares de vidas. A direção do Sindicato também convida todos os servidores e servidoras do TRT-2 a participar da assembleia geral que acontece nesta sexta (7 de agosto), às 17 horas, por meio da plataforma Zoom.

Acesse aqui o link da assembleia (a inscrição prévia serve como um credenciamento, mas a sala da atividade só abre às 17h)

Você pode baixar o Zoom clicando abaixo:
– para celular iPhone
– para celular Android
– para computadores

Orientamos que baixe o aplicativo com antecedência, se ainda não o tiver instalado em seu aparelho. Caso encontre qualquer dificuldade, pode entrar em contato com o Sindicato pelo WhatsApp (11) 99128-5217 (basta clicar aqui).

* Texto atualizado em 07/08/2020 às 14h08, após o protocolo do requerimento do Sindicato para ingresso na comissão.