CSP Conlutas Sintrajud Fenajufe
SINDICATO DOS TRABALHADORES DO JUDICIÁRIO FEDERAL NO ESTADO DE SÃO PAULO
08/ago/2018

TRF/JF: Sindicato cobra esclarecimentos sobre plano de saúde

Sindicato cobra instalação de mesa de negociação no TRF-3. Em audiência entre a diretora do Foro e o Sintrajud marcada para acontecer no dia 21 de agosto, o Sindicato pautará também questionamentos sobre o andamento da licitação do plano de saúde para o interior.

Shuellen Peixoto

A diretoria do Sintrajud protocolou requerimento junto à Administração do TRF pedindo esclarecimentos e informações acerca dos planos de saúde dos servidores. Após a desclassificação da NotreDame, que não cumpriu os requisitos previstos no edital do plano A e B, a Administração divulgou comunicado reajustando em 15,6% a mensalidade do plano de saúde atual dos agregados, percentual acima inflação do período. Os servidores, magistrados e agregados seguem sendo atendidos pela Amil até a conclusão do procedimento licitatório.

No requerimento protocolado na última sexta-feira, 3, o Sindicato também pede a instalação de uma mesa de negociação entre a Administração e a entidade para avaliar a situação e buscar soluções. “A situação agora, exige ainda maior diálogo e envolvimento de todos, sobretudo da Entidade de representação da categoria. O Sindicato requer, o quanto antes, que tal tema seja objeto de diálogo, análise e encaminhamento que atenda os critérios de equidade e justiça”, destaca o documento.

Até a publicação desta matéria a presidente do TRF-3, desembagadora Therezinha Cazerta, ainda não havia respondido ao questionamento e ao pedido de reunião. A direção do Sindicato avalia que tem se tornado desrespeitosa a forma como a Administração do Tribunal vem tratando a entidade representativa da categoria, negando-se a se reunir com a diretoria do Sintrajud, enquanto já esteve reunida com dirigentes de associações de magistrados, parlamentares e outras entidades.

Embora tenha respondido a demandas apresentadas pelo Sindicato, até o momento a única vez em que diretores da entidade foram recebidos foi após a manifestação pelo descumprimento do edital da licitação do plano na primeira parte da audiência pública realizada para discutir o assunto. O Sintrajud continuará acompanhando o procedimento licitatório buscando garantir que os servidores tenham segurança e assistência médica de qualidade.

No próximo dia 21, em reunião com a Diretora do Foro, juíza Luciana Zanoni, o Sindicato tratará também dos questionamentos sobre o andamento da licitação para contratação do plano que atenderá aos servidores lotados no interior do Estado e os custos do reajuste já anunciados pelo Tribunal em relação ao serviço prestado pela operadora, entre outros pontos de pauta.

Compartilhar: