TRF-3 mantém abertura do Balcão Virtual e Sintrajud reitera cobranças


19/04/2021 - helio batista
Tribunal indeferiu pedido para suspender novo canal de atendimento até a resolução de problemas apontados pelos servidores, mas não se pronunciou sobre reivindicações.

Sem nenhum posicionamento sobre os problemas verificados na implantação do Balcão Virtual e as reivindicações dos servidores, presidente do TRF-3, desembargador Mairan Maia, indeferiu o requerimento apresentado pelo Sintrajud para a suspensão temporária do projeto, que teve início nesta segunda-feira, 19 de abril.

No requerimento, apresentado na última sexta-feira, 16, o Sindicato listou razões para adiamento do projeto: necessidade de aprofundar o debate com o Sindicato e a categoria sobre o funcionamento do novo canal; a demanda por redução do horário de atendimento para cinco horas diárias (a exemplo do que acontece nos TRFs 2, 4 e 5); a falta de solução para o fornecimento de suporte aos servidores em termos de equipamentos, assistência tecnológica e treinamento e a resolução de questões ligadas à preservação da imagem e da segurança dos servidores.

Esses problemas já haviam sido apontados na assembleia setorial (foto) que os servidores do TRF-3 e da JF realizaram na semana passada, depois de um treinamento em que ficou evidenciada a persistência de muitas dúvidas e questionamentos dos trabalhadores em relação ao Balcão
Virtual.

Por deliberação da assembleia, o Sindicato também publicou uma moção de repúdio à conduta dos representantes da administração do TRF-3 durante o treinamento.

Servidores podem comunicar problemas ao Sindicato

A administração do Tribunal adiou a abertura do novo canal do dia 12 para esta segunda-feira, mas rejeitou o pedido do Sindicato para postergar a implantação até que fossem solucionadas as questões apontadas no requerimento.

Mesmo com o adiamento para esta semana, o Balcão Virtual está sendo implantado apenas dez dias depois de ter sido formalmente criado por uma norma do TRF-3. Antes, o CNJ havia concedido apenas 30 dias para a abertura do Balcão Virtual em todos os tribunais do país.

A administração limitou-se a uma negativa sumária, sem responder às reivindicações apresentadas pelo Sintrajud, que continuará cobrando solução para os problemas apontados pelos servidores. A entidade coloca-se à disposição para receber as demandas e os relatos de problemas com o novo canal de atendimento. As denúncias e reclamações podem ser enviadas clicando aqui.

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM

Generic selectors
Apenas termos exatos
Buscar nos títulos
Buscar nos conteúdos
Buscar em Publicações
Buscar nas páginas