SINDICATO DOS TRABALHADORES DO JUDICIÁRIO FEDERAL NO ESTADO DE SÃO PAULO
links do site antigo do Sintrajud

Notícias do site antigo

23/11/2016

Marcha de negras e negros na periferia lembra resistência de Zumbi

Diretora do Sintrajud participou de atividade na zona leste de São Paulo

Negras e negros de todo o país marcharam e realizaram atividades no último domingo, 20 de novembro, durante as celebrações da resistência de Zumbi dos Palmares. Durante todo o mês estão sendo realizadas mobilizações em alusão à data.

 Com o tema “Aquilombar para reparar” foram realizadas ações em periferias de São Paulo, Rio de Janeiro, Belém (PA), entre outras regiões. Artistas, ativistas, religiosos de matriz africana, de diferente grupos, coletivos e organizações políticas, somaram-se a atividade e enegreceram novembro.

A diretora do Sintrajud Maria Helena Leal, servidora aposentada do TRF-3, participou da marcha realizada no Jardim Helena, na zona leste de São Paulo, e que percorreu as ruas do bairro ao som de instrumentos de percussão, músicas e frases de protesto.

A atividade faz parte dos “Domingos da Consciência”, projeto idealizado e realizado pelo Coletivo de Oya - Mulheres Negras da Periferia de São Paulo. A programação começou no dia 6 de novembro com um trabalho de grafitagem no chamado “Beco do Grito”, local onde mulheres vinham sofrendo assaltos e que foi coberto por desenhos de artistas, como a grafiteira Nenê Surreal.

No próximo domingo, 27, a programação termina com um cortejo em homenagem a São Benedito no Jardim Etelvina, na região de Guaianases. “A homenagem a São Benedito, um santo negro, tem o objetivo de fortalecer a cultura popular na comunidade”, disse Maria Helena.

Veja as fotos das atividades: 

Fotos: CSP-Conlutas e Movimento Mulheres em Luta (MML)




Voltar