Live da semana será realizada em conjunto com o Movimento LutaFenajufe nesta quarta


23/09/2020 - Helcio Duarte Filho
Atividade vai debater necessidade de unificação das categorias do funcionalismo para enfrentar 'PEC das rachadinhas'.

O coletivo LutaFenajufe promove, nesta quarta-feira (23 de setembro), às 19 horas, a live “Reforma Administrativa: Organizar a luta para derrotar o desmonte do Serviço Público”. A atividade será transmitida ao vivo simultaneamente pelas páginas do LutaFenajufe, do Sintrajud e do Sindjufe-BA e terá como debatedores o diretor do Sindicato Fabiano dos Santos, Fernanda Marques Rosa (representando o Sindicato da Bahia) e Fagner Azeredo (integrante do Coletivo LutaSintrajufe – Oposição à diretoria do Sindicato do Rio Grande do Sul).

O Coletivo LutaFenajufe, integrado por dirigentes de sindicatos e militantes de oposições sindicais do PJU e MPU, considera urgente a articulação nacional da categoria para lutar contra a ‘reforma’ administrativa do governo de Jair Bolsonaro. A PEC 32/2020 se constituirá num duro ataque de destruição e desmonte de carreiras, direitos e serviços prestados à população caso seja aprovada.

O Movimento Luta Fenajufe defende que, para enfrentar aquela que já foi apelidada de ‘PEC das rachadinhas’, é imprescindível investir na unidade da categoria, cobrando da direção majoritária da federação nacional o cumprimento de seu papel articulador das lutas, o que é ainda um fator de fortalecimento de nossa própria entidade nacional. Qualquer movimento de direções sindicais que apregoem neste momento a divisão e o enfraquecimento da Fenajufe é considerado “condenável e uma forma de traição à categoria, ao contribuir, voluntária ou involuntariamente, com os planos de um governo que já disse, com essas palavras, ter os servidores como inimigos a serem eliminados”, aponta nota divulgada pelo Movimento em seu Facebook.

A luta para derrotar a PEC 32/2020 exige unidade entre servidoras e servidores e suas entidades no PJU e MPU, atuação conjunta com os demais setores do funcionalismo nas três esferas e a busca do apoio da população, que será severamente prejudicada caso a ‘reforma’ de Bolsonaro, Mourão e Guedes passe. Durante a live também será debatida a necessidade de fortalecer a participação das categorias do funcionalismo no dia nacional de mobilização contra a PEC 32 marcado para 30 de setembro.

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM

Generic selectors
Apenas termos exatos
Buscar nos títulos
Buscar nos conteúdos
Buscar em Publicações
Buscar nas páginas