CSP Conlutas Sintrajud Fenajufe
SINDICATO DOS TRABALHADORES DO JUDICIÁRIO FEDERAL NO ESTADO DE SÃO PAULO
16/maio/2018

Coletivo de Mulheres: seminário em 9 de junho discute origem das opressões

Atividade no Sindicato debate construção histórica dos papéis e comportamentos tidos como femininos ou masculinos

O Coletivo de Mulheres do Sintrajud prepara o seminário “As origens das opressões”. A atividade discutirá, às 10 horas do dia 9 de junho, no Sindicato, a construção histórica dos papéis e comportamentos tidos como femininos ou masculinos.

As palestrantes serão Amelinha Teles, Érica Andreassy e Samara Marino.

Inscreva-se

As inscrições para toda a categoria vão até 7 de junho, e haverá monitoria para filhos de participantes até 12 anos. Os textos de apoio estão disponíveis na página do Sindicato na internet, na aba “Mulheres”.

Após o seminário, acontece a terceira reunião do Coletivo neste ano.

Reunião do Coletivo de Mulheres, em janeiro deste ano. Foto: Joca Duarte

Opressões de gênero e violências

Discutir as desigualdades entre homens e mulheres que geram violências é uma necessidade.

Nesta semana, a Comissão Especial da Câmara dos Deputados responsável por analisar o projeto de lei 7.180/2014 recebeu o relatório do deputado Flavinho (PSC/SP), favorável à propositura. O texto defende que a palavra “gênero” seja banida dos currículos escolares.

O PL vem sendo chamado de “Escola com Censura” porque, na prática, interdita o debate sobre a violência contra mulheres, legitimada na sociedade. No país em que o assédio sexual é constante, registra-se um estupro a cada 11 minutos e um assassinato a cada hora.

Compartilhar: