Centrais fazem ato contra o fim do Ministério do Trabalho em São Paulo

Na manhã desta terça-feira (11 de dezembro), a direção do Sintrajud participou do protesto unificado contra a extinção do Ministério do Trabalho, medida anunciada pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL). A manifestação teve a presença de representantes de todas as nove centrais sindicais brasileiras e de sindicatos de diversas categorias. O protesto aconteceu em frente […]

Na manhã desta terça-feira (11 de dezembro), a direção do Sintrajud participou do protesto unificado contra a extinção do Ministério do Trabalho, medida anunciada pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL). A manifestação teve a presença de representantes de todas as nove centrais sindicais brasileiras e de sindicatos de diversas categorias. O protesto aconteceu em frente à sede da Superintendência Regional da pasta, no Centro de São Paulo.

Os manifestantes denunciaram os ataques já anunciados pelo novo governo, além do desmonte do Ministério, que resultará em retirada de direitos trabalhistas e deverá causar o aprofundamento da precarização das condições de trabalho no país.

Para Henrique Sales, diretor do Sintrajud e servidor do TRT, a unidade das centrais sindicais, dos sindicatos de todas as categorias e movimentos sociais, será imprescindível para construir a resistência para manter direitos. “O primeiro desafio será a luta em defesa da aposentadoria, que será uma das prioridades de aprovação do governo do Bolsonaro, e se não buscarmos a mais ampla unidade, não teremos vitória”, afirmou Henrique. “O novo governo coloca em risco não só os nossos direitos, mas liberdade, quando o novo presidente fala que quer eliminar o ativismo do Brasil, significa que quer o fim das greves, movimentos sociais e qualquer oposição ao governo dele”, destacou.

Como parte do processo de busca de unidade de categorias para enfrentar os ataques, o Sintrajud tem construído o Fórum dos Servidores Públicos de São Paulo, que irá se reunir no próximo sábado, 15, às 10 horas, na sede do Sintrajud. O objetivo é discutir a preparação do Encontro de Servidores Públicos, idealizado para acontecer em fevereiro. O encontro será um espaço para construir a mobilização do funcionalismo público de São Paulo contra os ataques dos governos em 2019.

image_print
Fechar Menu

Generic selectors
Apenas termos exatos
Buscar nos títulos
Buscar nos conteúdos
Buscar em Publicações
Buscar nas páginas