Ato unificado em Santos denuncia ‘pacote de maldades’ de Bolsonaro no dia 25

Manifestação vai reunir diversas categorias do funcionalismo federal, estadual e municipal na região da Baixada Santista.

 

 

Na próxima segunda-feira (25 de novembro) acontece um ato unificado contra o plano ‘Mais Brasil’ em Santos, convocado pela Frente Sindical Classista ao meio-dia, em frente ao fórum da comarca (na Praça José Bonifácio). A direção do Sindicato convoca a categoria na Baixada Santista a participar.

Com o mote “A culpa é do servidor?”, a atividade vai dialogar com a população como o pacote de maldades encaminhado pelo governo ao Senado na semana passada vai afetar também os direitos da sociedade. A precarização dos serviços públicos vai tornar ainda mais difícil o acesso a direitos previstos na Constituição.

As propostas de emendas constitucionais (PECs) 186, 187 e 188, que tramitam no Senado, eliminam uma série de direitos dos servidores que já estão na ativa: revisão geral anual de salários; pagamento de passivos trabalhistas; reajuste ou adequação de valores salariais e de benefícios; progressão e promoção nas carreiras, entre outros. Além de autorizar, por ato normativo dos poderes, a redução salarial e de jornada em até 25% e a diminuição de gastos com funções comissionadas e cargos em comissão em até 20%. Ainda neste mês o Planalto anunciou que pretende enviar à Câmara dos Deputados uma nova PEC, da ‘reforma’ administrativa – com a qual pretende acabar com a estabilidade no emprego para os novos servidores, entre outros ataques.

A subsede já realizou debates sobre o Plano ‘Mais Brasil’ nos fóruns trabalhistas de Praia Grande, Santos e São Vicente, com a presença do coordenador do departamento Jurídico do Sindicato, o advogado César Lignelli. Novas atividades serão agendadas nos outros locais de trabalho da Baixada.

image_print
Fechar Menu

Generic selectors
Apenas termos exatos
Buscar nos títulos
Buscar nos conteúdos
Buscar em Publicações
Buscar nas páginas