Aposentados e pensionistas realizam reunião presencial na sede do Sintrajud


17/05/2024 - Giselle Pereira
Atividade ocorreu na sede do Sindicato, de forma presencial e também on-line, via Zoom; encontros periódicos fortalecem o segmento que mantém as reuniões há quase três décadas.

NAS em reunião híbrida, presencial e via Zoom. Foto: arquivo Sintrajud

O clima de reencontro sobressaiu na segunda reunião presencial realizada neste ano, desta vez na sede do Sintrajud, do Núcleo de Aposentadas e Aposentados e Pensionistas do Sindicato (NAS).  A reunião ocorreu na tarde dessa quinta-feira (16 de maio), oportunidade em que foram apresentados pela direção os informes da Federação (Fenajufe), as lutas locais, além de tratar das atividades do núcleo. 

As reuniões do NAS são semanais e ocorrem de forma on-line, sendo realizadas, conforme deliberação do grupo, de forma que ocorra, no modelo híbrido (presencial e virtual), um encontro por mês. Aposentados e pensionistas vêm reforçando a necessidade de que as atividades aconteçam mais vezes de forma presencial, no entanto, que se garanta o acesso à sala Zoom para quem não conseguir ir até a sede do Sindicato. 

Diretora Ana Luiza Figueiredo apresenta pontos de pauta. Foto: Arquivo Sintrajud

Aposentada aposentada do TRF-3, a diretora Ana Luiza Figueiredo, deu boas-vindas ao grupo, lembrou aos colegas que na próxima semana será realizado a XXIV Plenária Nacional Ordinária da Fenajufe (Federação Nacional), entre os dias 23 a 26 de maio, em Natal, no Rio Grande do Norte. “A atividade terá entre seus desafios construir uma luta que una a categoria para exigir a aprovação do projeto de reestruturação da carreira, dos cargos e salários”, destacou, lembrando que o Sintrajud participará da atividade nacional com delegação. 

Outra que também apresentou informes foi a diretora Rosana Nanartonis (aposentada/TRE), que salientou a luta pelo fim da taxação dos aposentados e pensionistas, assunto que será discutido na Plenária Nacional. “Não temos que brigar pelo menos pior”, frisou, citando as Propostas de Emenda Constitucional (PECs) 555/2006 e 06/2024 (“PEC Social”) – textos que tratam da taxação contra aposentados e pensionistas imposta na ‘reforma’ da Previdência do governo Lula (EC 41/2003) e ampliada por Bolsonaro (EC 103/2019). 

A diretora Rosana Nanartonis defende fim da taxação de aposentados e pensionistas. Foto: Arquivo Sintrajud

Sobre o assunto, a dirigente informou aos colegas que foi  cadastrada a proposta de resolução à Plenária com o tema ‘Em defesa dos aposentados, aposentadas e pensionistas e contra o etarismo”, que trata da não taxação do segmento. O texto foi escrito por vários colegas, o que inclui Rosana. No evento nacional serão debatidos diversos temas, entre eles a conjuntura, plano de Lutas, prestação de Contas do período de outubro de 2023 a abril de 2024 e apresentação de moções. 

Diretor Maurício Rezzani destaca pautas locais. Foto: Arquivo Sintrajud

O diretor Maurício Rezzani (aposentado/TRE) dialogou com os colegas sobre questões que envolvem a luta por saúde, contratação de um plano para os servidores do TRE-São Paulo e o debate sobre orçamento. “Precisamos estar unidos na luta em defesa da saúde”.

Encontro Estadual

Previsto para agosto, o tradicional Encontro Estadual de Aposentados e Pensionistas do Sintrajud. Uma comissão composta por diretores está em busca de um espaço que garanta conforto e acessibilidade para que o  grupo consiga realizar o debate. “A nossa expectativa é propiciar um momento de formação, na busca por fortalecer o núcleo e a representatividade do segmento nas lutas”, citou a diretora Rosana, uma das integrantes da comissão.

Campanha de arrecadação da CSP-Conlutas

Na reunião, aposentados e pensionistas também demonstraram solidariedade com a população do Rio Grande do Sul, que há mais de duas semanas tem sofrido com os fortes temporais com efeitos potencializados pela negligência de governos com crise climática, que vem provocado tragédia histórica no estado gaúcho. O número de mortos já ultrapassa 150 pessoas. 

Os integrantes do núcleo reforçaram a importância da campanha de arrecadação de doações à população do Rio Grande do Sul desenvolvida pela CSP-Conlutas, Central à qual o Sintrajud é filiado. Já está sendo realizado o encaminhamento de donativos para a direção estadual da Central para financiar a assistência às pessoas em vulnerabilidade social.  

As contribuições devem ser feitas via PIX, através da chave [email protected], ou via depósito/transferência para Banco do Brasil, agência 3520-3, conta corrente 26261-7, CNPJ 07.887.926/0013-23 – CSP-Conlutas Central Sindical e Popular.

Alegria e descontração são marcas da aula de dança que ocorreu no final da reunião do NAS. Foto: Arquivo Sintrajud

Aula de dança

Em clima pré-junino, logo após a reunião, aconteceu gratuitamente a aula de dança, com o professor e coreógrafo Diego Carlos Bellarosa. “O movimento corporal contribui para que cada pessoa adquira o autoconhecimento e desenvolva a sua criatividade, auxiliando ainda na integração social, física e emocional”, enfatizou o professor que dá aula para os aposentados e pensionistas do Sintrajud há mais de um ano. Ele não abre mão de possibilitar ainda durante as atividades a alegria e a diversão, fundamentais para o desenvolvimento da dança e aprendizagem dos alunos.

O encontro, cujo objetivo é fortalecer e ampliar o núcleo, um dos mais antigos do Judiciário Federal da União do país, foi encerrado com um café da tarde e bate-papo descontraído entre os colegas.

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM