7º Encontro Sudeste de Aposentados e Pensionistas aprovou reforçar luta contra PEC 6/2019

Crédito: Alexandre Marques/Sindiquinze

Aposentados e pensionistas do Judiciário Federal do Sudeste reafirmaram a necessidade de seguir lutando contra a ‘reforma’ da Previdência. O 7º Encontro Sudeste de Aposentados e Pensionistas, que aconteceu entre os dias 22 e 26 de julho em Caraguatatuba, aprovou uma carta dos participantes chamando para luta em defesa da aposentadoria e contra a extinção da Justiça do Trabalho.

Mesmo os servidores que já deixaram a ativa sofrem as consequências desta ‘reforma’, considerada o maior ataque aos direitos sociais desde 1988. O texto aprovado em primeiro turno na Câmara dos Deputados prevê aumento na alíquota de contribuição para os aposentados, tornando o confisco sobre o salário do servidor que já contribui durante toda sua vida laboral ainda maior.

A carta do 7º Encontro de Caraguatatuba também foi aprovada na última assembleia geral do Sintrajud, que aconteceu no sábado, 27 de julho. O Sindicato enviou uma delegação de 16 aposentados e pensionistas, além da servidora do JEF e diretora Maria Ires Graciano.

Para Ana Luiza Figueiredo, aposentada do TRF e também dirigente do Sintrajud, o encontro foi um espaço importante para reunir aposentados e pensionistas e discutir a participação deste seguimento na luta contra a aprovação da PEC 6/2019. “Entendemos que a luta contra a ‘reforma’ não se encerrou com a aprovação da proposta em primeiro turno na Câmara. Ainda tem muita luta pela frente, e nós, aposentados e pensionistas, precisamos estar juntos com os trabalhadores da ativa nas ruas contra a retirada dos nossos direitos. Essa foi a decisão do encontro, que está sintetizada na carta”, afirmou Ana.

Leia a íntegra da carta aqui.

Delegação do Sintrajud que participou do 7º Encontro Sudeste de Aposentados e Pensionistas. Crédito: Alexandre Marques/Sindiquinze