28 de novembro é dia de parar em defesa do serviço público

Para enfrentar os ataques do governo de Michel Temer (PMDB), que segue na tentativa de retirar direitos dos trabalhadores e acabar com o serviço público, servidores do Judiciário Federal de São Paulo preparam paralisação de 24 horas e fazem mobilização nesta terça-feira, 28.

A mobilização, convocada pelo Fórum Nacional dos Servidores Federais, será um dia de protestos contra as reformas da Previdência e trabalhista, o aumento da contribuição previdenciária (MP 805) e o projeto que facilita a demissão de servidores (PLS 116/17). O dia será marcado por uma manifestação na esplanada dos ministérios, em Brasília, que vai reunir trabalhadores do funcionalismo público de todo o país com o objetivo de pressionar para que não sejam aprovados esses projetos que desmontam o serviço público. O Sintrajud levará uma caravana de servidores de São Paulo.

Em São Paulo, além das paralisações nos locais de trabalho, os servidores participam de uma assembleia geral para discutir a participação da categoria na greve nacional contra a reforma da Previdência convocada pelas centrais sindicais para o dia 5 de dezembro.

Logo após a assembleia, acontece a aula pública sobre “A reforma da Previdência e o desmonte do serviço público”, com a participação de Marcus Orione, professor da Faculdade de Direito da USP, Rodrigo Ávila, coordenador Nacional da Auditoria Cidadã da Dívida, além dos assessores do Sindicato Washington Lima, economista, e César Lignelli, advogado. As atividades acontecem a partir das 13h, em frente ao Fórum Pedro Lessa (Avenida Paulista, 1682).

As atividades serão transmitidas ao vivo no Facebook do sindicato.

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DA ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA DO SINTRAJUD/SP – DIA 28/11/2017

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DO JUDICIÁRIO FEDERAL NO ESTADO DE SÃO PAULO– SINTRAJUD/SP, em conformidade com o Estatuto Social da Entidade (artigo 38), faz saber que realizará ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA, no próximo dia 28 de novembro de 2017, a ser instalada às 13h, em 1ª convocação com a presença de pelo menos metade mais um dos associados quites com a tesouraria e, em 2ª convocação, trinta minutos após, em qualquer número, em frente ao prédio da 1ª Subseção Judiciária – Fórum Cível de São Paulo – Ministro Pedro Lessa, situado na Avenida Paulista, 1682/ Bela Vista – São Paulo – SP / CEP: 01310-200

PAUTA:

  1. Informes, discussão e avaliação
  2. Deliberação sobre a adesão à Greve Nacional convocada para o dia 05/12/2017: Contra a Reforma da Previdência (PEC 287/16) e em defesa dos direitos – contra a MP 805/17, o PLS 116/17, os ataques à Justiça do Trabalho e outros projetos que atacam os direitos dos trabalhadores.
  3. Outros assuntos de interesse da categoria.

 

São Paulo, 24 de Novembro de 2017

 

 

Lucas José Dantas Freitas

Coordenador Geral

 

Lynira Rodrigues Sardinha

Coordenadora Geral

 

Tarcísio Ferreira

Coordenador Geral